Provincia di Roma
Santuario D’ Oropa – Biella – Italia
Chiesa Cattolica Italiana
Provincia di Biella
O PAPA - SIGNIFICADO PDF Imprimir E-mail

Papa (Pedro Apóstolo Príncipe dos Apóstolos) é o título dado ao chefe supremo da Igreja Católica, Bispo de Roma, e também chefe do Estado do Vaticano e Patriarca do Ocidente (ou da Igreja Latina).

O Papa é considerado pelos católicos o Sucessor de São Pedro, considerado o Vigário de Cristo e perpétuo e visível princípio e fundamento da unidade da Igreja.

Quando referido como cargo eclesiástico, surge como Sumo Pontífice, a autoridade suprema.

Os papas auxiliaram na propagação do cristianismo e a resolver diversas disputas doutrinárias.

O Papa é auxiliado pela Cúria Romana, no governo da Igreja Católica. A presença tradicional do Papa em Roma não obriga a que o Papa resida na cidade. Tal aconteceu quando, entre 1309 e 1378, a residência papal se estabeleceu em Avinhão (Avignon, sul de França). As primeiras menções conhecidas do título de Papa datam do século III.

Estima-se que os papas trabalhem mais de dezesseis horas diariamente.

 

O Papa formalmente tem os títulos de Bispo de Roma, Vigário de Cristo, Sucessor do Príncipe dos Apóstolos, Supremo Pontífice, Primaz de Itália, Arcebispo e Metropolita da Província Romana, Soberano do Estado do Vaticano e Servo dos Servos de Deus. 

O pronome de tratamento próprio do Papa é "Sua Santidade".

A eleição de um Papa é feita através de votação (secreta desde 1274) dos cardeais com menos de 80 anos e reunidos num conclave.

Em teoria, qualquer homem batizado pode ser eleito para Papa, embora nos últimos 800 anos somente tenham sido eleitos Cardeais. O cargo é vitalício e, até agora, apenas o Papa Celestino V dele resignou, retornando à vida monástica.

 
< Anterior
Copyright © 2010 Catolicismo Romano | Powered by Redação 24 Horas